Toalhas de bandejas delicadas


Oi gente

O post de hoje é sobre essa peça:  a toalha de bandeja, ou a toalhinha de bandeja. Tem gente que fala bandeija, mas não é assim não viu gente. É bandeja mesmo. A palavra bandeja foi formada através do verbo bandejar, que quer dizer “sacudir para um lado e para outro, peneirar”, como o movimento de uma peneira….
image

Bandejar vem de “banda”, do Provençal Banda, “lateral de algo, flanco, lado”. Essa noção de “lado” é que trouxe o significado de “sacudir”, pois este movimento implica, num recipiente, em que o conteúdo vá de um lado para outro.

Atualmente a bandeja está em alta e em todos os lugares, mas a toalhinha de bandeja está desaparecendo das bandejas como antigamente.  Embora a gente ainda encontra ela em muitos lugares, principalmente em lugares onde o capricho está presente. Se você vai servir um café na bandeja, é muito mais chic com uma bela toalhinha de bandeja junto, além de ser mais higiênica, pelo menos é assim que eu acho.

Deixar aquela bandeja ali preparada com xícaras e algumas bolachinhas, acredito sim que a toalha de bandeja ainda faça alguma diferença nesse sentido. Os detalhes são sempre o diferencial em qualquer tipo de decoração, além de ser a oportunidade para você personalizar o seu jeito próprio de usar os utensílios da sua casa. Senão vira  tudo igual e a mesma coisa.

image

“O fato de a comida e o ato de comer serem cheios de significados não leva a esquecer que também comemos por necessidade vital e conforme o meio e a sociedade em que vivemos, a forma como ela se organiza e se estrutura, produz e distribui os alimentos. Comemos também de acordo com a distribuição da riqueza na sociedade, os grupos e classes de pertencimento, marcados por diferenças, hierarquias, estilos e modos de comer, atravessados por representações coletivas, imaginários e crenças.”

image

Essa toalhinha de bandeja, toda em organdi bordada e toda feita a mão é ainda o meu enxoval. Está comigo há mais de 30 anos, acho ela uma graça.

“A bandeja desempenhou a desempenha uma tarefa ativa na história da culinária, desde a Roma Imperial. Ela nasceu como instrumento estritamente utilitário, para transportar para lá e para cá utensílios de cozinha, comidas e bebidas. Na idade média eram quase sempre feitas de madeira e quadrangulares, mas há relatos de bandejas ricamente ornamentadas, como as de cobre gravado no Irã, ou com incrustações de prata, à época da Dinastia Islâmica Ayubid, no Egito, ambos por volta do século XIII.”

Rara E Elegante Bandeja De Prata 90. Década De 60. - R$ 540,00 no MercadoLivre:

Adoro essas bandejas mais antiguinhas. Olha que graça. Essa é de prata dos anos 60.

image

essa de crochet acho uma graça também.

Adorei !!!!!!:

Essas mais rústicas ficam lindas expostas em uma varanda.

Receber um café da manha assim nesse capricho, com certeza o seu dia começa melhor.

Aí você vem e me pergunta: Mas quem tem tempo para isso hoje em dia? Gente isso é com você tudo depende da escolha e de como quer levar a vida. Isso não quer de jeito nenhum dizer que eu faço isso viu gente, mas não me impede de achar muito lindo e chic.

Olha essa ideia ai, não precisa servir na cama, mas  deixar em um cantinho da cozinha não é tão difícil assim. E olha que eu nem tomo café, por incrível que pareça eu não gosto de café, só curto o cheirinho dele, mas acho muito lindo todos os rituais que se tem em volta do tomar um cafezinho, principalmente aqui no Brasil.

Você já observou que em volta de uma garrafa de café ou de uma bandeja como essa como as pessoas se encontram e trocam uma conversa, por mais informal que seja é uma forma sim de preparar um encontro entre pessoas.

Olha que capricho e as toalhinhas ali cumprindo o seu papel de dar um toque nas bandejas

Como eu curto muito esse tipo de artesanato e acho uma graça essas toalhinhas, quando tenho oportunidade eu as compro e algumas ganhei mesmo gente.

image

Sou sim da época em que a gente fazia enxoval para se casar. kkk E como a gente curtia cada peça que a gente comprava ou ganhava. Quando falo isso para o pessoal mais novo, sei que acabam rindo, mas eles não sabem como era bom esse tempo da gente.

image

Vou postar aqui para você mais algumas peças que eu curto. Sabe gente acabei fazendo esse post porque outro dia fui arrumar umas gavetas aqui em casa e acabei me distraindo com essas peças de enxoval. É incrível a gente usa e cuida e essas coisas não acabam. Adoro tudo isso.

image

Me parece que hoje em dia estão começando a dar valor novamente aos detalhes na hora de servir em casa. Que bom se isso retornar aos costumes, são esses pequenos gestos que fazem a diferença muitas vezes.

image

image

Essa aqui é uma das minhas preferidas, ganhei da minha mãe na época do meu enxoval. Acho uma delicadeza. Ao vivo é mais linda ainda. Fico pensando em quem bordou isso e fez com tanto cuidado e dedicação um trabalho assim. Adoro artesanato, por entender que ali está não somente um produto qualquer, está ali o amor de quem o executa.

Era isso por hoje gente.

Obrigada pela visita.  Aqui você sempre será bem vindo (a).

Um abraço.

Referencias:

http://origemdapalavra.com.br/site/palavras/bandeja/

http://static.scielo.org/scielobooks/v6rkd/pdf/canesqui-9788575413876.pdf

Na cozinha tem história: bandejas