O famoso Museu Têxtil de St. Gallen na Suíça

Oi Gente

O post de hoje é sobre o  famoso Museu Têxtil da cidade de St. Gallen, na Suíça, onde têxteis de todo o mundo e de vários séculos, bem como livros de amostras e outros tesouros têxteis ilustram as fortunas da indústria têxtil Suíça.

Trouxe aqui para você várias fotos das belezas que vi nesse museu, desde bordados feitos a mão, bordados do século XIV, história da indústria têxtil suíça, tecidos dos mais variados estilos, bem como vestuários. Um museu mundialmente conhecido e apreciado para aqueles que trabalham com a moda, indústria têxtil, designers e áreas afins …

 

 

Esse famoso museu na cidade de St. Gallen, na Suíça “retratam a história multifacetada do ramo têxtil, seus altos e baixos, desde os primórdios até o presente.”

 

Logo no início da visita, mesmo antes de entrar propriamente no museu, já estava realizada por poder visitar mais um museu na Europa, e de poder visualizar peças, rendas, bordados, e o desenvolvimento da indústria têxtil. Amo esse tipo de passeio.

 

Nesse museu você poderá ver os destaques das coleções de tecidos antigos, bordados históricos do século XIV, rendas feitas à mão dos principais centros europeus, tecidos etnológicos, tecidos e trajes históricos, e ainda, utensílios de costura e objetos da arte têxtil contemporânea.

 

Os bordados feitos a máquina e à mão, bem como as impressões de tecido documentam o desenvolvimento da indústria têxtil na Suíça Oriental. A interação mundial é um dos principais objetivos desse Museu Têxtil de St. Gallen.

 

 

O museu é reconhecido como um dos centros suíços mais importantes para questões relacionadas com a produção têxtil no contexto da evolução histórico-cultural geral.

História do Museu

“As coleções do Museu Têxtil e da Biblioteca de São Galo datam da segunda metade do século XIX e seguem a tradição dos museus de artes aplicadas e coleções de desenhos e amostras fundadas em toda a Europa naquela época. Seu objetivo era inspirar a indústria, servir como modelos para produção, e também para cultivar o “bom gosto”.

“Em 1863, a Kaufmannisches Direktorium – Associação dos Comerciantes de São Galo (St Gallen) – começa a coletar especificamente amostras de padrões para fabricantes locais e a expandir sistematicamente a coleção existente.” 

 

O museu foi fundado no ano de 1878 e, com o passar do tempo, “a coleção é estendida através de aquisições, mas sobretudo através de doações de coleções particulares significativas e de arquivos da indústria têxtil. As coleções da família industrial Iklé são de extrema importância. Hoje o museu permanece dedicado ao conceito de sua fundação de ser uma fonte de inspiração para designers e inovadores.”

 

 

Vestidos de vários estilistas que fizeram e fazem parte do mundo da moda, como esse modelo de Coco Chanel, entre outros.

Conceito desse Museu

“A base do apelo internacional do museu é a sua incorporação firme na tradição têxtil de longa data da Suíça. As coleções únicas do Museu Têxtil são a base para exposições internacionais e também servem para inspirar profissionais de têxteis e suas mais recentes criações. Está firmemente ancorado no setor têxtil suíço que, durante vários séculos, moldou o tecido econômico e social da Suíça.”

Desde os bordados simples feitos a mão que nos remetem ao início da aprendizagem até os mais sofisticados tipos de pontos, a quantidade de trabalhos lindos que vi por lá é de se guardar na memória e pensar do que a mão dos homens é capaz de produzir. 

 

 

 

 

 

“Exposições, bem como todas as atividades de coleta são dedicados sistematicamente a todos os ramos e regiões da produção têxtil suíça, embora a competência central reside nas áreas de bordados e rendas“.

 

 

 

“A preservação e expansão das coleções e da biblioteca, bem como a pesquisa acadêmica, constituem um aspecto central do trabalho no Museu Têxtil e mantém as coleções vivas”.

 

 

 

 

“O museu utiliza suas exposições e programa educacional para tornar o mundo dos têxteis acessível a um público amplo e transmitir respeito pelas conquistas criativas, técnicas e comerciais de indivíduos ou coletivos. Através de projetos participativos, os visitantes têm a chance de contribuir com seu próprio conhecimento. A Cooperação com as escolas é especialmente importante para o museu”.

 

 

 

 

“O Museu Têxtil foi fundado como uma coleção de amostras para a indústria têxtil. Deseja seguir nesta tradição como uma plataforma para especialistas em têxteis, para designers,  fabricantes e clientes, servindo de inspiração e discussão pública. Deve ser apoiada a cooperação com a Federação Suíça de Têxteis e com os colégios técnicos”.

 

“Examina questões sociais, passadas e presentes, através do design e da moda“.

 

 

 

 

 

 

“Estabelece uma ligação entre os desenvolvimentos técnicos e estilísticos nos têxteis e noutros domínios das artes aplicadas e da tecnologia e torna-a visível como parte de um desenvolvimento cultural global”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Apesar de postar aqui para você essa grande quantidade de fotos, posso lhe garantir que é apenas uma amostra do que esse museu oferece aos seus visitantes. E o que me chamou a atenção, também nesse museu, foi o fato de ter uma seção onde eles expõem o outro lado da moeda, fazendo uma crítica para se pensar sobre as péssimas condições de trabalho de muitos trabalhadores em diferentes lugares do mundo para atender ao mercado consumidor desse setor.

 

 

Maiores informações sobre esse Museu 

Endereço: Textilmuseum St Gallen

                    VAdianstrasse 2

                    CH-9000 St. Gallen

Telefone: + 41 (0) 71228 0010

É aberto diariamente no horário das 10h00 as 17h00.

Obs.: As informações desse post foram traduzidas do site http://www.textilmuseum.ch/

Enfim gente, para quem me visita sempre por aqui sabe o quanto gosto de visitar um museu, pois acredito que eles nos transmitem histórias de nossos antepassados e a evolução da nossa sociedade. Se você também curte esse tipo de passeio e conhecimento veja aqui alguns posts que já trouxe aqui para você de alguns museus interessantes que já tive a oportunidade de conhecer:

Museu Ballenberg – um museu a céu aberto na Suiça – na cidade de Brienz

Museu de Johnny Cash em Nashville em Tennessee – EUA

Museu Maritimo San Diego – Submarino Americano “Dolphin”

Museu da Coca-Cola (World of Coca-Cola) em Atlanta – EUA

Ferryboat Berkeley de 1898 – Museu Marítimo de San Diego

Museu Della Tortura – Volterra na Toscana Itália

Museu da Baronesa da Cidade de Pelotas – RS

e mais alguns que você poderá pesquisar por aqui. ok?

Na saída do museu têxtil pegamos uma chuva de granizo, e esse dia foi interessante pois,  pela primeira vez, pegamos diversos tipos de clima.  Na parte da manhã neve, frio, a tarde céu aberto e chuva com e sem granizo. Adorei.

 

Era isso por hoje.

Obrigada pela visita. Você é sempre bem vindo(a) por aqui.

Um abraço.

 

Referências: Texto traduzido do site do Museu, citado acima.