Você está pronto para suportar o sucesso ou o fracasso?

Oi Gente

Hoje quero trazer aqui para você essa questão sobre suportar o sucesso ou o fracasso para refletirmos um pouco. Embora haja uma tendência em uma busca constante para se obter o sucesso, incentivada pelo sistema capitalista inclusive, nem sempre quando ele chega ou está próximo de obtê-lo é tão fácil sustentá-lo. Por que isso pode ocorrer? …

A palavra Sucesso vem do Latim successus “avanço, seguimento, resultado propício”, de succedere, “vir depois, chegar perto de”, formado por sub-, no caso “depois, o seguinte”, + cedere, “ir, mover-se, deslocar-se”. O sentido de “resultado favorável”começou a se firmar no século XV.

Achei muito interessante algumas leituras a esse respeito e um vídeo que assisti há algum tempo atrás, do psicanalista Jorge Forbes, sobre esse assunto e resolvi trazer aqui no post hoje para dividir com você.

Você já deve ter ouvido falar sobre algum caso, onde algumas pessoas como artistas por exemplo,  quando atingiu um determinado sucesso, adoeceram ou não souberam lidar com isso, vindo mesmo a desenvolver até alguns sintomas que o fizeram afastar, inclusive, de suas atividades.

Somos indivíduos sociais desde que nascemos  e é natural que façamos parte de determinados  grupos, onde vamos  sendo constituídos como sujeitos, tais como o grupo familiar, escolar, trabalho, igreja, instituições, etc… São grupos  onde a pessoa se sente como fazendo parte e está mais confortável em dividir seus anseios, desejos, escolhas, o que faz com que facilite a convivência e a relação entre os membros desses grupos, onde o indivíduo tem a sensação de pertencimento. 

Embora a busca do sucesso é o desejo de uma parcela dos seres humanos,  é sabido também que nem todos que o buscam conseguem atingi-lo, até porque  o sucesso está, também, relacionado a fazer aquilo que o sujeito realmente goste e investe nesse seu desejo. Investimento esse que,  geralmente, pode levar  um longo período de tempo, com dedicação, persistência, paixão. Enfim, essas coisas que a gente já conhece para a obtenção dos objetivos que poderão levar a um sucesso.

Pode-se pensar em várias áreas com relação a busca do sucesso:  um atleta em busca de sua medalha, o cientista em busca de uma nova descoberta, o cantor em busca de uma grande audiência, um jogador de futebol em busca de jogar em um grande time,  só para citar alguns casos, e acaba sendo natural que, a partir do momento que esse indivíduo começa a adquirir um certo destaque perante o grupo, essa pessoa acaba se diferenciando daqueles que não trilharam o mesmo caminho.

É nesse momento, onde o destaque começa a ser percebido, que pode ocorrer um certo mal estar para pessoa em seu grupo de convivência, havendo, inclusive, uma reação desse grupo por esse sujeito começar a marcar uma certa diferença.  Esse destaque, não podendo ser evitado, poderá gerar um certo desconforto para esse indivíduo em relação a sua convivência com os  demais membros desses grupos a qual pertence.

Não sabendo, ou não estando preparado para esse momento,  há a necessidade do sujeito ter que fazer uma escolha, ou seja, continuar nessa linha de crescimento e obter o sucesso almejado,  porém tendo que abdicar, em alguns casos, desses laços sociais até então presentes em sua vida ou se “boicotar”, evitando com isso a perda desses laços sociais que até então fazia parte de sua história. É nessa hora que pode acontecer de se instalar uma angústia negativa no sujeito.

O indivíduo poderá apresentar reações diferentes ao lidar com esse tipo de angustia negativa,  tais como: desistir de sua caminhada, permanecendo na sua “zona de conforto”, justificar a sua desistência colocando ou criando obstáculos que nem sempre são verdadeiros, pode adoecer das mais diferentes formas,  e assim  manter o seu lugar de pertencimento aos grupos já conhecidos. Lembrando aqui que o sucesso, de que se trata o assunto, não é aquele de celebridade, que  ocorre momentaneamente mas não se perpetua  e sim aquele que veio para ficar.

As vezes essa pessoa chega a levar o nome de mascarado. Como assim mascarado? Ele veste-se de uma mascara, por estar perdendo a antiga identidade que tinha perante seus grupos, para poder continuar fazendo parte dos grupos em questão. Ou ainda, ela poderá apresentar diferentes tipos de comportamentos, quando necessita criar uma nova identidade a partir do que vem alcançando com o seu sucesso, podendo até mesmo não saber como lidar com isso, adquirindo em alguns casos até mesmo uma posição agressiva em relação a isso, como forma de defesa.

Há aqueles que se afastam por um determinado tempo, elabora tudo isso e aos poucos consegue administrar essas diferenças, mas, em contrapartida, há aqueles que não dando conta de lidar com isso pode até mesmo adoecer, ou ainda desistir dessas conquistas.

Algumas pessoas  tem medo de suas conquistas. Segundo Forbes, Sucesso vem de cair, “do conforto do grupo”, “sai da vala dos comuns, cai daquele grupo”. O sucesso é marcado pela diferença. “Todo  grupo é narcísico, o grupo vai criticar aquele que teve o sucesso”. Ele cita exemplos de pessoas no sucesso, onde pode sim sofrer pela obtenção do mesmo, por não conseguir se responsabilizar pelo o sucesso que ela conquistou.

Como lidar então com o Sucesso?

Segundo o psicanalista Jorge Forbes “as pessoas suportam muito mal a angustia (…) a angustia ruim é aquela que bloqueia a sua vida, enquanto a angustia boa é aquela que não deixa você ficar acomodado, é aquela angustia que faz com que você invente soluções para sua vida,  que ela não tem mais uma garantia na vida frente a expectativa do outro, como a criança que busca uma aprovação para se acomodar aquilo”.

A pessoa para poder ter sucesso na vida, ela tem que ultrapassar essa fase da expectativa do outro. Sucesso é algo que ocorre na vida de uma pessoa como consequência de alguma coisa que ela fez e que gostou muito.” A condição básica para suportar o sucesso é suportar essa angustia de sucesso.”

Ele ainda coloca que a pessoa que é capaz de superar essas questões para a aquisição do seu sucesso, pode-se dizer que também estará mais preparada para enfrentar os fracassos que poderão vir durante a sua caminhada na vida.

Enfim gente, resumindo tanto no sucesso, quanto no fracasso, se faz necessário conquistar a condição de suportar estar consigo mesmo(a) sem depender, a todo tempo, da aprovação do outro. E, para aqueles que não conseguem sozinhos administrar essa situação, é hora de buscar uma ajuda profissional nesse sentido para que possa elaborar esse momento, podendo sim usufruir sem culpa das suas conquistas, bem como suportar melhor os seus fracassos, se caso surgirem.  Poder suportar o sucesso ou o fracasso, os mecanismos para lidar com essas situações são semelhantes.

 

Era isso por hoje.

Obrigada pela sua visita. Você é sempre bem vindo(a) por aqui.

Um abraço.