Dica de Filme: A noiva do Diabo

Oi Gente

A dica de filme que trago aqui no blog hoje é “A Noiva do Diabo” (Devil’s Bride – título original). Caso esteja sem nenhuma opção de filme, assisti e gostei por retratar história real, do que aconteceu no ano de 1666, em uma época onde a Igreja e a Lei se juntavam para julgar e dar a sentença de morte aqueles que não correspondesse “aos padrões éticos estabelecidos na época”.

Esse drama é um filme baseado na história real no ano de 1666, ocorrido nas ilhas Aland, que fazia parte da Suécia e hoje Finlândia.  A Igreja junto com um juíz, que foi designado a ir à Ilha, para caçar pessoas que se dedicavam a bruxaria, feitiçaria. Isso ocorreu até o ano de 1698. Essa perseguição acontecia em todo o país.

Nessa Ilha, onde algumas das mulheres eram abusadas sexualmente pelo Reverendo e submetidas a todos os julgamentos da lei, eram denunciadas por qualquer tipo de atividade que fugisse as regras impostas na época. O Juiz chegou a Ilha com a missão de condenar heresias e práticas de magia, considerada como algo do diabo e fora dos padrões estabelecidos pela lei vigente. 

As mulheres que eram abusadas pelo Reverendo, além de não poder denunciá-lo tinha o grande medo da gravidez, o que fazia com que algumas delas recorressem a pedir auxilio a  mulheres que se diziam ver o futuro e coisas do tipo, até como forma de divertimento em uma época em que não se tinha muito o que fazer.

 

Sinopse

A atriz principal Anna, uma adolescente de 16 anos, sonhadora e a espera de seu príncipe encantado é filha adotiva de uma dessas mulheres que previam o futuro, acreditava que o seu príncipe chegaria em uma embarcação. Quando do retorno dos viajantes, Ana ao avistar Elias diz ser ele o grande amor esperado. Ela, mesmo sabendo que Elias era casado com Rakel, resolve que quer esse homem de qualquer jeito. Ele um verdadeiro Don Juan.

Primeiramente, Anna pensando em ficar com Elias e se aproveitando sobre o clima de caça às bruxas, faz uma denúncia falsa ao juiz dizendo que Rakel era uma dessas mulheres que praticava atividades de “feitiçaria”. Rakel, que acabara de ganhar bebê sofreu todas as atrocidades para confessar algo que não fizera.

Algumas mulheres foram julgadas e condenadas a morte de um modo brutal, com a assistência de toda a comunidade. Entre elas, algumas inclusive inocentes que eram forçadas a admitir sua culpa.

Anna, após ver a crueldade de seu ato contra Rakel e arrependida tenta reverter a situação, pois seu plano não havia dado certo…

Atores principais:

Tuulia Eloranta (como Anna Eriksdotter)

 

Lauri Tanskanen (como Elias Olsson – a paixão de Anna)

Magnus Krepper (como Nils Psilander-o juiz)

 

 

Elin Petersdottir (como Rakel Larsdotter)

O filme está disponível no Nettflix e abaixo trago o trailler do mesmo.

Enfim gente, como já comentei por aqui, gosto muito de filme que se refere as histórias reais. A fotografia da “Noiva do Diabo” é linda. Espero que goste.

 

Era isso por hoje.

Obrigada pela sua visita. Você é sempre bem vindo(a) por aqui.

Um abraço.