VII – Mitologia Grega – Hefesto

Oi Gente

 

Olhem bem essa pintura que retrata bem o que aconteceu entre os dois irmãos Ares e Hefesto

Você se lembra que o deus Zeus e a deusa Hera tiveram poucos filhos desse casamento? Alguns textos dizem que só foram dois  Ares e Hefesto, já outros dizem que foram mais, Ares, Hefesto,Ilítia, Hebe. Em todo caso, vamos falando de cada um deles por aqui.   Hoje, vamos falar de Hefesto e depois, aos poucos vamos trazer os outros filhos desse casamento e pretendo falar dos demais deuses filhos de zeus com as suas amantes, que foram inúmeros, pelo menos dos mais importantes. O deus Zeus, por favor né gente, conseguiu ter filho para todos os lados. Aos poucos vamos conhecendo alguns deles por aqui.

Mas hoje somente vamos falar desse deus Hefesto o mais feio dos deuses do Olimpo…

HEFESTO

 

 

Hefesto (em grego) e Vulcano (romano), filho de Zeus e Hera era o deus do fogo, da metalurgia, dos trabalhos com ferro e metais. Ele faz parte dos grupo dos 12 deuses que governam Olimpo. Hefesto nasceu fraco e feio, diferente do seu irmão Ares.

O seu mito aparece ele como sendo o mais feio dos deuses, nasceu feio e foi desprezado pela mãe Hera por ter gerado um deus imperfeito. Hera atira-o do alto do Olimpo, para dentro do mar. Hefesto assim foi encontrado por Tétis e Eurínome e por elas foi criado. Quando este se torna adulto se torna um habilidoso artesão de metais, profissão muito valorizada, e senhor do fogo. Possivelmente a feiura e a deformação de Hefestos chama a atenção para lembar que casamento entre irmãos poderia dar nisso. “Seu mito é o avesso do ideal de perfeição e de beleza da civilização grega. Uma sociendade em que ter um filho deficiente, significava rejeição e humilhação. Hefesto representava a preocupação dos gregos com a genética, sendo lido como uma forma de alerta para os perigos dos filhos deformados nascidos da união entre irmãos, como eram Zeus e Hera”.

Hefesto sabendo da sua não beleza, se torna então o melhor dos artesãos e seu trabalho o fazia poderoso. Senhor do fogo  e dos vulcões, expelia larvas de ira em forma de fogo, fazendo-se respeitar por isso e o mesmo pede ao seu pai o grande Zeus que este lhe dê Afrodite (Vênus), a mais bela de todas as deusas como esposa.

 

Na mitologia grega há também versões diferentes de uma mesma história. Tem a versão de que Hefesto foi parar no mar, jogado por Zeus, depois de uma briga entre Zeus e Hera devido a uma discussão a respeito de Héracles, Zeus zangado o atirou no mar, e lá a titânia Tétis, o levou para a ilha de Lemnos e nesse lugar montou a sua oficina e ali para se vingar fabricou um trono maravilhoso e mandou para a sua mãe Hera como presente. Quando Hera sentou-se nele, muitas correntes a prenderam em toda a sua volta e ai não conseguia mais se levantar.
E foi Ares, deus da guerra seu irmão e principal rival, tentou libertar Hera, mas se retirou rapidamente devido as chamas do deus do fogo.
Eis então que Dionísio, deus do vinho de muito amigo de Hefestos, conseguiu embrigá-lo e o levou para o céu, “onde ele libertou a rainha e passou a residir novamente no Monte Olimpo. De volta ao Olimpo, como deus do fogo, tornou-se ferreiro divino e instalou suas forjas no centro dos vulcões”.
Hefesto também fabricou várias ferramentas como por exemplo o tridente de Poseidon, as flechas de Apolo, a couraça de Héracles.
Zeus para compensar então a rejeição a esse filho acaba dando de presente Afrodite, a mais bela das deusas. Essa apesar de amá-lo acabou sendo infiel não somente uma vez, e até mesmo traiu com seu irmão Ares. Enquanto Hefestos trabalha na forja, seu irmão, deus da guerra visitava a sua Afrodite a noite. Os dois viveram uma grande paixão e enquanto estavam juntos no leito, havia um guardião que cuidava da mansão para que Hefestos não os encontrasse juntos, mas um dia o guardião dorme e Ares e Afrodite estavam no leito se amando, quando perceberam o deus sol Hélios os surpreenderam e ficou indignado com o que presenciou indo contar a Hefestos sobre a traição pelo próprio irmão.
Foi então que Hefestos prepara a maior vingança contra Afrodite e Ares, ele prepara uma rede de ouro, tecida de fios de ouro, de uma forma que nenhum homem ou até mesmo deus pudessem rompê-la e colocou no leito dos deuses amantes. Quando estes deitaram-se mais uma vez, acabaram presos a essa rede sem que pudessem sair. E assim todos os deuses do Olimpo puderam ver tamanha traição e somente com a interferencia do deus Apolo que conseguiu convencer Hefestos a perdoar Afrodite, é que esse pode libertá-los.
Hefestos ainda seria aquele deus que trouxe ao mundo a primeira mulher mortal a famosa Pandora.
Assim, Hefestos foi um dos filhos de Zeus e Hera que foi rejeitado, foi abandonado pela mãe, foi rejeitado pelos deuses devido aos seus defeitos, e também devido a sua feiura. Mas ele também provou que tudo isso não impossibilitou dele ser o mais engenhoso dos deuses construindo grandes armas poderosas para lugar contra seus inimigos.
No próximo post falarei sobre Ares ok?
Era isso por hoje gente.
Obrigada pela visita. Você sempre é bem vindo(a) por aqui.
Um abraço.

http://virtualiaomanifesto.blogspot.com.br/2014/11/hefestos-o-deus-do-fogo.html

http://www.dec.ufcg.edu.br/biografias/MGHefais.html