Preparativos para o Natal 2015

Oi gente

Esse Natal de 2015, não sei se é somente comigo ou se está acontecendo com muita gente, o fato é que ele está sendo um Natal e um Final de Ano diferente de outros que a gente vem vivenciando a cada ano. A situação em que nosso país se encontra, com tanta instabilidade, principalmente o alto nível de desemprego sem uma perspectiva a curto prazo de melhorias, faz com que esse clima de apreensão e de uma sensação de não saber o que vem para 2016 nos deixe um pouco com uma falta de vontade de ter o que comemorar, como se não tivesse nada a comemorar.

 

Acredito gente que nesses momentos  temos sim o que celebrar, cada um do seu modo e dentro de suas condições, mais um ano que está chegando ao final, um ano difícil para nós brasileiros, mas celebrar o fato de estar vivo, de estar aqui podendo estar com pessoas de nosso convívio, de celebrar a saúde para quem está saudável e mesmo aos que estão sem saúde, poder celebrar a esperança da melhora.

Li um artigo onde dizia uma vez, não me lembro onde, que as pessoas se mostraram mais solidárias na Inglaterra no pós guerra. Nós somos um país e uma geração que não passamos por essa experiência literal de guerra, embora temos a batalha diária da sobrevivência do dia a dia, digamos assim que somos então privilegiados. Se tem alguma dúvida, é só imaginar o que está acontecendo com a Síria.

Sempre fui da opinião que em momentos difíceis, devemos praticar o altruísmo e deixar o egoísmo de lado, pelo menos tentar e fazer esse exercício. Por que digo isso? Porque quanto mais o egoísmo impera nesse momento de dificuldades, o problema que a pessoa enfrenta se torna de um tamanho sem fim.

A partir do momento que você possa ou se dê a oportunidade de sair do seu “mundinho” e  abrir o olhos para o mundão que está aí fora, com tantos problemas reais bem maiores que os nossos, aquilo que você acha tão grande começa a se tornar pequeno.

Outra coisa, o país está em dificuldade, está sim, mas não está só para você está para todos os brasileiros, como um povo, como uma nação. E uma crise ou uma recessão é difícil? É muito difícil, mas vai passar, vamos juntos aprendendo lições e pensando como tirar o o país e as pessoas dessa situação.

Só penso que não podemos deixar que acabem também com as nossas tradições. Os valores já estão tão questionáveis hoje em dia. A desorganização do país, desestruturou milhares de famílias, e agora se descuidar os valores vão sendo colocados também todos como descartáveis. E ai gente, onde vamos parar?

Acho que hoje é dia 22/12, e falta apenas 2 dias para celebrar o Natal é hora sim de pensar na ceia quem faz uma ceia, ou no almoço de natal ou em qualquer forma de celebrar. Se tem criança então, deixe eles acreditarem um pouco na alegria do Natal e na esperança do Ano Novo.

É hora de levantar a cabeça, pensar em alguma comidinha diferente que você possa fazer, ou criar, tirar esse marasmo, e dar um tempo para a cabeça que esse ano já nos consumiu demais, com tantas noticias diárias de tantas coisas ruins. Afinal temos que nos proteger e nos recarregar as energias para iniciar 2016 e que ele venha que nós enfrentaremos, como sempre  enfrentamos.

Gosto de um ditado que diz o seguinte: “Na vida devemos ser igual ao bambu, enverga mas não cai”.

E você poderá achar incoerente as fotos que irei postar aqui, mas não são não. São para pensar em coisas lindas, em mesas fartas e bonitas, para servir de incentivo e olhar para frente e continuar e buscar a cada dia a motivação para trabalhar, acreditar em dias melhores. A única coisa nesse mundo capitalista que ainda não é cobrado é o nosso pensamento. Eles nos pertencem e são únicos e não custa nada pensar em coisas boas, bonitas e visualizar sempre melhorias para frente. Fantasiar um pouco a vida é saudável gente, é isso que nos leva também para frente.

Olha as mesas lindas de Natal. Pegue na sua casa o que você tem de melhor e use nesse jantar ou nesse almoço, vamos comemorar e agradecer o fato de estarmos vivos e termos garra para enfrentar os desafios dessa vida.

Preocupação = Pré – Ocupar-se, ou seja estar ocupado muitas vezes com aquilo que nem vai acontecer. Cuidado com os seu pensamentos. Viver o dia a dia, verificar o que temos para hoje e assim podermos viver um pouco mais relaxado, o que não quer dizer que por isso estamos sendo irresponsáveis, só estamos na verdade nos protegendo e cuidando daquilo que é primordial para todos nós: a nossa saúde mental e física.

 

Nancy's Daily Dish: Thanksgiving Tablescape & A Surprise Birthday Party:

 

Holiday Tablescape {Breakfast Room} from Our Southern Home #frenchcountry #frenchcountrychristmas #oursouthernhome:

 

Home decor: table top inspiration for fall entertaining with muted tartan tablecloth bernadotte wildlife china and autumn hues:

 

50 Stunning Christmas Tablescapes - Christmas Decorating - Style Estate:

Olha essa mesa que luxo gente.

Check out http://findgoodstoday.com/dinnerware: FRENCH COUNTRY:

 

boho:

 

inspirational ideas christmas table decorations 10:

25 Gorgeous Holiday Table Settings : Decorating : Home & Garden Television:

Um Feliz Natal a todos os amigos, parentes e pessoas que frequentam aqui o meu Blog.

É muito bom estar com vocês. Obrigada pela visita, aqui você sempre será bem recebido.

E que venha 2016. com muita paz, harmonia, respeito, que estaremos preparados e energizados para enfrentá-lo.

Agora gente, por favor daqui pra frente, se deem o direito de comer, beber, relaxar, jogar um pouco de conversa fora, rir.

Pegue as taças, os copos, as xícaras, o seu champanhe, a sua Sidra, o seu vinho, a seu refri, seu suco, ou aquilo que te agrada de verdade, coloque uma música,  o seu melhor visual e é hora de permitir curtir um pouco tudo isso, apesar de…É assim que nós brasileiros gostamos de viver os finais de ano. Não percamos aquilo que temos de mais bonito, o nosso jeito de ser.

Um abraço especial de Natal e com carinho a todos vocês.