Como presentear com pouco ou nenhum dinheiro?

Oi gente

Hoje o post é sobre esse assunto que permeiam a cabeça de muita gente nessa época. Estamos chegando próximo ao Natal e lá vem junto a questão dos gastos extras e muitas vezes todos os problemas que a gente vê nos finais de ano. Muitas vezes chegamos a escutar coisas do tipo: “Não gosto dessa época”, “Não vejo a hora que passe rápido esse final de Ano”, “Queria poder dormir e só acordar no ano novo” e coisas desse tipo.

Faça você mesmo: kits de presentes charmosos e criativos para o Natal:

Como presentear com pouco ou sem nenhum dinheiro

Ai eu me pergunto: Onde foi parar ultimamente o verdadeiro espírito de Natal? O espírito cristão de comemorar e celebrar a data, (ainda que não comprovada, isso não importa) do nascimento de Jesus Cristo.

Esse post não se trata sinceramente de falar sobre esse assunto, no aspecto religioso, pois penso que religião, fé, escolhas sãos valores de cada um que deve sim ser muito respeitado por todos. Mas o que eu quero falar aqui é a questão dos presentes de Natal. A tradição veio da visita dos reis magos, quando do nascimento de Jesus.

“De acordo com Daniel Boorstin em seu livro “The Americans” , o Natal não era um acontecimento importante antes de 1860. O Ano de 1867 foi o primeiro em que a loja de departamentos Macy´s, em New York,  ficou aberta até meia-noite na noite de Natal e 1874 foi quando surgiram as primeiras vitrines com temas natalinos nessa loja”.

Sinceramente toda essa história não sei precisar e não fui atras, o que sei que essa época é tradição sim presentear, trocar algumas lembranças, confraternizar. Um momento de estar próximo a mais um final de ano e poder acima de tudo agradecer por estarmos vivos e cada um a seu modo, poder comemorar e de preferencia perto daqueles que mais amamos.

Nem sempre é possível estar com quem a gente quer, nem sempre é possível presentear da forma como queríamos, nem sempre o Natal é como gostaríamos que fosse. Mas o Natal é sim um dia especial, em nossa cultura, de poder resgatar valores, de poder pensar em quem amamos, de poder compartilhar e desejar coisas boas a toda a humanidade, de resgatar o lado do amor que está dentro do ser humano.

Outro dia ainda estávamos falando da importância de um final de ano. Lógico que se você pensar que a passagem do dia 31 para o dia 01 é mais um dia, onde anoitece e logo mais amanhece, como todos os outros, você pode sim ter lá sua razão. Mas você já parou para pensar da importância da gente poder fechar um ano em nossas vidas. De poder parar, pensar, avaliar o que aconteceu de bom ou de ruim, de poder acima de tudo, acreditar que no próximo ano a gente possa ter esperança de algo melhor. É realmente fechar um ciclo e poder abrir outro. Nós seres humanos precisamos dos ritos, os simbolos são muito importantes para a gente. Só para se ter uma ideia pense na simbologia da aliança nos dedos do casal, do seu significado, pensou? Então assim também são outros símbolos que fazem parte da nossa vida, existência, cultura e que sim, são muito importantes.

Você papai e mamãe que estão educando e formando um cidadão para o futuro, não tenha preguiça ou desânimo com relação a passar as tradições para as crianças, isso tudo é muito importante. Se você viveu isso tudo, sabe bem do significado e se você nunca viveu isso tudo, também sabe bem o significado da falta. Então se não pensar em você, que é adulto e bem vacinado, pense sim nos seus filhos, nos seus sobrinhos, netos e deixem que a alegria do Natal possa entrar na vida deles.

Grave um CD com as musicas preferidas para quem você quer presentear

Então gente, se você não pode realmente dispor de nada de seu orçamento para dar um presente, a minha melhor sugestão para driblar essa situação, mas de boa mesmo, é essa: SEJA VOCE MESMO UM PRESENTE.  Como assim?

Assim, por exemplo:

1) Se estiver perto, dê um bom abraço e um beijo e diga o quanto a pessoa é importante para você e o quanto você queria presenteá-la e hoje não está podendo; mas que tem certeza que poderá em algum próximo natal;

2) Se você estiver meio brigado, tenta quebrar o gelo. Como? Seja maior e comece por você, se aproxime perto da pessoa, dá um cutucão, uma risada, um choro, diga vamos parar com essas coisas, já brigamos demais e eu não vivo sem você; se puder já chegue com uma cervejinha junto que ajuda, afinal em dia de festa pode;

3) Você pode também, mesmo sem um tostão no bolso, brincar com essa situação, arrumar um pacote de presente e fazer um cartão bem carinhoso e dizer que vale um presente, me cobre assim que você souber que estou melhor de situação; (Gente, experiência própria, já recebi uns vales desse e você acaba rindo sabia, e acreditem depois esses vales acabam virando piadas e juro que eu guardava e no momento certo apresentava viu);

3) Pode também criar um vale presente no valor que você realmente gostaria de dar a pessoa e quando melhorar ela poderá apresentar esse vale para você;

4) Se a pessoa estiver longe, tente dar uma ligadinha, ou passar no correio e enviar um telegrama que essa pessoa jamais está esperando, poderá ser a surpresa melhor do Natal dela esse ano, principalmente se faz tempo que não fala com ela;

5) Se morar na mesma cidade, pegue um pouquinho do seu tempo e vá pessoalmente dar um abraço de final de ano. Talvez esse será o melhor presente oferecido e recebido pelo seu ente querido;

Agora se você tiver alguma disponibilidade de dinheiro, por menor que seja,  liste para quem gostaria de presentear e pegue esse seu dinheiro e estipule uma quantidade que realmente pode gastar com o Natal, de uma maneira que possa dar com o coração sem ficar esperando nada em troca e nem reclamando depois porque não recebeu um presente, ou que deu um presente caro e ninguém deu nada para você. E presentear também se realmente sentir vontade de fazer isso, se isso faz bem para você, ser verdadeiro com a gente mesmo é o melhor presente que podemos nos dar.

Se puder, priorize as crianças. Criança gente gosta mais de aprender do que de brincar. Brinquedos não precisam ser caros, a criança explicando entende e se for maiorzinho e não entender, pode chorar um pouco agora, mas um dia vai lembrar do Natal e entender que nem sempre se dá para ter tudo que a gente quer.

Como o Natal é o dia de falar de amor e de coisas boas do ser humano e, para os cristãos, de celebrar Aquele que mais falou de amor, devemos também nos lembrar que foi Ele que mais nos falou sobre não sermos hipócritas e viver a verdade. Por isso procure, se puder, nesse natal se permitir viver a sua verdade e não a verdade do outro ou da sociedade que te molda, ou coisa assim.

Dentre algumas sugestões para presentar sem muitos custos pensei em algo que possa ajudar nas suas escolhas, que poderá sim ser útil e a pessoa gostar do que recebeu.

Para os amigos que gostam de gastronomia, uma sugestão, ou que estão morando sozinhos, ou montando um apartamento, ou até para a mãe que precisa renovar as peças da cozinha.

  1. Comprar a lembrança de Natal pensando realmente em quem você vai presentear: Por exemplo: grave um CD de música, com músicas que você sabe que a pessoa a ser presenteada iria adorar, mas pense nas músicas que ela vai gostar e não nas que você prefere;
  2. Pode ser por exemplo um chinelo Havaianas, o simples mesmo. Quem não usa ou não gosta de um chinelo Havaianas?
  3. Se você sabe que a pessoa curte uma pimenta por exemplo, um vidro de pimentas caseiras; quem sabe você pode providenciar alguns e levar para os amigos;
  4. Um vidro de doce de figo. Talvez ajude a sua mãe ou avó a fazer e coloque em um vidro reciclado e leve a sua amiga e amigo;
  5. Uma agenda para o ano de 2016, nem todos aboliram as de papel ainda;
  6. Uma simples sombrinha, ou guarda-chuvas, principalmente agora que essas chuvas nos perseguem;
  7. Uns dois panos de prato, ou pacotinho com 3. Qual casa que não precisa de panos de prato?
  8. Toalha de rosto, uma simples toalha de rosto, sempre poderá ser bem vinda;
  9. Um bom livro, se você sabe que seu amigo ou parente vai lê-lo; se está sem dinheiro para comprar um novo, que tal pegar algum até mesmo que você já leu e brincar com a situação e passar para o amigo;
  10. Uma caneca dessas que falam de amizade e do sentido que a pessoa tem para você;
  11. Pegue uma foto que você deve ter com a pessoa que você quer presentear e coloque em um porta retrato simples e faça um presentinho dizendo o quanto é legal o momento que você está com ela; isso é bem vindo para os namorados também.
  12. Pode ser alguma lembrança do time de futebol que a pessoa torça, como uma caneca, uma camiseta, um chaveiro, uma almofada; (isso se ela for torcedor mesmo);
  13. Até mesmo um quebra-cabeças, quando namorados, com a sugestão de montarem juntos;

Faça você mesmo: kits de presentes charmosos e criativos para o Natal:

Uma ideia legal, dar uma caixinha de emergencia, algumas coisas que você sabe que a pessoa adora e pode ainda escrever por fora, na emergencia pode me ligar, com seu número de telefone, que juntos sairemos dessa. e dentro chocolates, balas, e o que a sua imaginação e o seu dindin permitir

Faça você mesmo: kits de presentes charmosos e criativos para o Natal:

Olha aqui para quem você sabe que curte flores e jardinagem, uma ideia legal, pode ser sementes para horta também.

Pode fazer os molhos e colocar uns lacinhos no vidro com retalhos de tecido mesmo, fica uma graça. E sempre gente com um cartãozinho que diz do seu carinho pela pessoa.

As vezes um simples bibelô para aquela amiga que curte colecionar alguma coisa, eu por exemplo tenho amigas que coleciona porcos, (não preciso nem dizer que é torcedora do palmeiras não é mesmo), outra que curte sapos, corujinhas, caixinhas, chaveiros, selos e nada mais legal que dar uma lembrança a mais para a coleção do amigo (a).

Afinal a troca de presente nessa época deve ser mais simbólica e não há necessidade de se gastar horrores em um presente, principalmente se não está preparado para isso. Acredito que o mais importante é a pessoa sentir e perceber que o pouco que você pode oferecer foi com carinho e atenção para aquela pessoa. Gosto muito de um pensamento que diz mais ou menos assim:

“Não existe nenhum rico que não tenha nada a receber e nenhum um pobre que não tenha nada para dar”. Somos humanos e precisamos uns dos outros. Estar juntos, apesar das diferenças, é o que faz toda a diferença. Acreditem nisso gente. Isso é saudável, isso evita doenças, isso é necessário para nós humanos.

Gente já tem o velho ditado que diz em época de crise, CRIE.

Os cartões podem ser feitos com papel sulfite e amarradinho com uma fita tipo diploma, mas com mensagens significativas e que saia do seu coração, do  próprio punho, que é mais original ou até mesmo imprimir no Computador. E se você é daquele que diz: Ai eu não levo jeito para isso, eu te digo que leva sim. Pega uma caneta um papel, um guardanapo, um pedaço de cartolina e começa a escrever: “Não sei o que te escrever, mas eu quero te escrever e por isso te escrevo só isso: Você está no meu coração, você é muito importante para mim, eu gosto de você”. Viu fala do jeitinho que você esta pensando e escreve. Você é único nesse mundo e tem o seu jeitinho, ou seu jeito, ou seu jeitão de ser e é assim que deverá sempre ser lembrado. Combinado?

DIY - Embrulhos de presentes criativos:

Olha uma forma legal de colocar seus presentes em saquinhos de papel craft. Ai você pode utilizar de alguma coisa que já tem em casa gente, é só soltar a criatividade. Fica uma graça, você pode ainda no mesmo pacote escrever de próprio punho uma poesia ou um trecho de música que você gosta e a pessoa curte também.

Olha que simples e legal gente.

Embalagem sustentável. Talvez eu colocaria aqui uma fitinha vermelha, mas vida.

Gente agora se quiser sofisticar, tem ideias para todos os lados.

Era isso por hoje gente.

Obrigada pela Visita. Nos vemos por aqui.

Um abraço.